Home » Artigos » O que é factoring e como ele pode ajudar sua PME

Share This Post

Artigos

O que é factoring e como ele pode ajudar sua PME

O que é factoring e como ele pode ajudar sua PME

Factoring é um termo em inglês correspondente ao ‘fomento mercantil’. Trata-se de um serviço entre empresas para oferecer suporte e apoio gerencial em troca de direitos de crédito.

Funciona assim: em vez de uma empresa esperar pelo faturamento dos ativos a receber, como duplicatas, cheques pós-datados e outros títulos de crédito, a empresa de factoring compra esses direitos e, em troca, fatura o valor num prazo mais curto na sua conta empresarial, como se estivesse recebendo à vista.

Mas Factoring não é uma prática bancária e não deve ser confundida com tal, nem é forma de financiamento. É realizada por meio de um Contrato de Fomento Mercantil entre empresas autônomas, independentes, que se regulam pelas leis de mercado, com base na livre concorrência.

É uma poderosa ferramenta de auxílio às pequenas e médias empresas das áreas industrial, comercial, de atacado, de varejo e de serviços com dificuldades para crescer. Como o fluxo de caixa está sempre no limite, esperando pelos valores a receber, o factoring se torna uma alternativa atraente às instituições bancárias.

Veja também:  Como conquistar um investidor para seu negócio

Mas o que o factoring pode fazer pela sua PME?

1. Quando você consegue que o valor das suas vendas a prazo caiam mais cedo na sua conta (sem ter que custear o antecipação de recebíveis do banco), você consegue planejar prazos de pagamento maiores para os seus clientes. Esse benefício é um forte diferencial em vendas, que se reflete no aumento do ticket médio e no volume de vendas.

2. Com o aumento das vendas e do ticket médio, você aumenta o faturamento, o que te dá poder para fazer melhores negociações com seus fornecedores em prazos, descontos e bonificações, dando um respiro melhor no seu caixa.

3. Com o seu caixa menos ‘estressado’, você consegue lidar com os seus picos de gastos do caixa, como dias de pagamento dos funcionários, de impostos etc sem apertar tanto o cinto.

4. É um serviço independente, então você não tem a obrigação de contratar outros serviços de pacote ou pagar taxas extras, como no caso dos bancos.

Veja também:  O que é Paraíso Fiscal?

5. Algumas empresas de factoring fazem toda a gestão de suas contas a pagar e a receber e inadimplentes. Você pode, portanto, focar no seu planejamento financeiro e nas demais gestões da sua empresa, sem gastar tanto do seu tempo fazendo isso.

factoring é uma atividade comercial regularizada em Londres em 1808 (a primeira empresa de factoring foi a William Iselin & Co.). No Brasil a atividade foi regularizada em 1982, com a fundação da ANFAC. Alguns meses depois, o Banco Central publica a Circular nº 703, praticamente proibindo a atividade.

Apenas em 1988, a diretoria do Banco Central, com edição da Circular nº 1359, revogou a Circular nº 703, enfatizando, porém, que a atividade de factoring não podia ser confundida com atividade de instituição financeira definida na Lei nº 4595/64 nem a ela se assimilar.

Os Últimos dados do setor são de 2010 mas, nessa época, o factoring no Brasil já movimentava R$ 81 bilhões por ano, segundo a ANFAC (Associação Nacional de Fomento Comercial). Aqui, o modelo de factoring mais comum é o de factoring convencional, mas existem outros:

Veja também:  Tipos de investimento em empresas: anjo, capital semente, venture capital e private equity

Factoring Convencional: compra dos direitos de créditos das empresas fomentadas, através de um contrato de fomento mercantil;

Factoring Maturity: a Factoring passa a administrar as contas a receber da empresa fomentada, eliminando as preocupações com cobrança;

Factoring Trustee: além da cobrança e da compra de títulos, a Factoring presta assessoria administrativa e financeira às empresas fomentadas;

Factoring Exportação: aqui, a exportação é intermediada por duas empresas de Factoring (uma de cada país envolvido), que garantem a operacionalidade e liquidação do negócio;

Factoring Matéria Prima: a A Factoring é intermediário entre a empresa fomentada e seu fornecedor de matéria-prima. A Factoring compra à vista o direito futuro deste fornecedor e a empresa paga à Factoring com o faturamento gerado pela transformação desta matéria prima.

Fontes: SINFAC RJ | ANFAC | Federal Invest

Veja Também

 

O melhor momento para vender uma empresa

Tributos e estratégia empresarial

É melhor montar uma empresa ou comprar uma empresa?

Dores do Crescimento

O que é factoring e como ele pode ajudar sua PME
5 (100%) 1 vote

Share This Post

Apaixonado por finanças e Marketing digital, construi este fórum para ajudar o maior número de pessoas possíveis

Este tópico contém resposta, possui 1 voz e foi atualizado pela última vez por  Tiago Miarelli 1 semana, 3 dias atrás.

Você deve fazer login para responder a este tópico.